FAIXAS EXTRAS E PROJETOS PARALELOS
  
O HOMEM DA AREIA (2017)
Ouça e descubra as curiosidades deste projeto, abaixo!
Trilha instrumental criada pelo Foca e gravada pela D’HanKs, a convite do diretor da Rumo Cia de Dança Contemporânea, PV Carvalho, para o espetáculo de estreia da companhia.



> O espetáculo estreou no dia 7 de outubro de 2017, na cidade de Volta Redonda.
> A Angélica é uma das bailarinas das companhia (nascida neste mesmo ano de 2017), aprovada em audição exclusiva para alunos do Ballet Gacemss, de Volta Redonda.
> O Foca compôs, fez os arranjos e programações de instrumentos digitais complementares (strings, beats eletrônicos, percussão, cítara), além de ter gravado as guitarras e violões de todas as faixas!
> A adaptação da bateria eletrônica para orgânica e sua gravação, nas faixas 01, 08 e 14, ficaram por conta do Felipe, enquanto Sorvete e Angélica gravaram os baixos (faixas 01, 03, 04, 08 e 14) e pianos (faixas 06, 10 e 12), respectivamente.
> Como não havia tempo hábil para o Rogério aprender parte das guitarras ou violões e o Foca já havia se programado para gravá-los na íntegra, ele ficou responsável por fazer a arte de divulgação do álbum. 🙂
As gravações tiveram o apoio do Studio Stillo Music (Volta Redonda) e foram feitas pelo responsável do espaço, Terêncio Passos Puziol, que também ficou a cargo da mixagem e masterização das faixas.
> Clique aqui para curtir a página da Rumo Cia de Dança e ficar por dentro das apresentações.

HORA DA INSÔNIA (EM NOME DA LEI)
O filme “Em Nome da Lei” estreou no dia 21 de abril de 2016, nos cinemas brasileiros e a trilha sonora conta com uma versão instrumental exclusiva, feita especialmente a pedido do diretor Sergio Rezende, para a música “Hora da Insônia”, cuja versão original (ouça aqui) é a faixa do segundo álbum da banda, o “Mil Faces”.

SOBRE O FILME:
Inspirado em fatos reais, “Em Nome da Lei”, do diretor Sergio Rezende (“Salve geral”), conta a história de um jovem juiz federal obstinado em fazer justiça na fronteira do Brasil com o Paraguai. Segundo a sinopse, perseguição, paranóia e tensão permeiam a jornada do destemido e idealista Vitor (Mateus Solano) na missão heroica e sem precedentes de desmantelar o sólido esquema de contrabando e tráfico de drogas chefiado por Gomez (Chico Diaz).

Vitor torna-se um símbolo na luta pela justiça quando arrisca a vida ao mandar prender criminosos e confiscar bilhões de reais da máfia que impera há décadas na região com a conivência do poder público. Para isso, ele conta com a ajuda da procuradora Alice (Paolla Oliveira) e do policial federal Elton (Eduardo Galvão). Emilio Dantas e Silvio Guindane também estão no elenco, no papel dos bandidos Hermano e Cebolinha.

VEREDICTO – (Jon Hausen Official Dubstep Remix)

Faixa especial, criada pelo DJ Jon Hausen, de Volta Redonda, para a abertura do Prêmio Olho Vivo (premiação local organizada por Cláudio Alcântara, idealizador do jornal homônimo ao prêmio), que contou com a participação dos bailarinos Maria Carolina Pratti, Igor Soares, Beatriz Viana e PV Carvalho (também coreógrafo) dançando ao som desta versão, antes da apresentação da banda.